Na Austrália, um estudo em duas organizações da área da saúde, o Instutite of Clinical Pathology and Medical Research (ICPMR) e o Parafic Laboratory Medicine Services (PALMS) as quais apresentam laboratórios de análises clínicas, foram estudadas quanto a aplicação de sistemas de qualidade para o monitoramento de sistema de informações de incidentes e não conformidades do laboratório. Neste estudo conclui-se que a presença de um sistema de qualidade formal melhora o gerenciamento, investigação e resolução de incidentes em relação a um laboratório sem um sistema de qualidade formal.